Qual tipo de colecionador de LPs é você?

Colecionar LPs faz com que sua experiência com a música seja muito mais completa. As capas em grande formato, os encartes com as letras das canções, o fato do disco ser um objeto no qual você pode tocar – tudo contribui para uma sensação de imersão. Acima de tudo, está a qualidade do áudio analógico, é claro.

Existem diversos perfis de colecionadores, que vão montando suas coleções de formas variadas. Afinal, tudo depende do tipo de música que você curte, do dinheiro que tem disponível e dos seus hábitos de escuta musical. Fizemos uma lista com alguns tipos recorrentes de colecionadores. Com qual você se identifica mais?

O NOIZE Record Club tem lançamentos para todos os gostos. Assine o NRC e aumente sua coleção com LPs e revistas com o melhor da música brasileira.

CURADOR

Você seleciona seus LPs a dedo e se importa mais com a qualidade da seleção do que a quantidade de discos. A lista de discos que você deseja é super coerente. Talvez você se organize em busca de discos de um gênero musical específico que queira aumentar na sua coleção. Ou talvez você esteja agora mesmo querendo aumentar a sua discografia de algum artista específico.

ACUMULADOR

Você não consegue resistir quando está passeando na rua e de repente encontra um LP em um sebo ou feira de discos. Uma capa amassada talvez não seja o maior problema do mundo. Suas compras às vezes são um pouco impulsivas, mas o que importa é que você sempre tem variedade de música para curtir. 

AUDIÓFILO

Você investiu (ou quer investir) em um super sistema de som porque gosta de ouvir todos os detalhes do som analógico. Se compra um disco novo, sabe até a fábrica onde foi feito. Se compra um disco usado, o faz com todo o cuidado do mundo para que seja um bem conservado. A qualidade da master, a equalização dos equipamentos: você sabe que todo detalhe interessa na hora de ouvir música.

OCASIONAL

Tem alguns discos em casa e escuta quando recebe visitas ou quer relaxar um pouco. O vinil pra você é um hobbie, ou simplesmente algo que faz bem. É legal ter alguns LPs em casa, junto com seus livros, são objetos pelos quais você sente carinho. É gostoso botar um disco pra rodar e simplesmente curtir.

CAÇADOR DE RARIDADES

Se você quer um disco, não desiste até encontrá-lo. Edições limitadas, compactos de goma-laca, os discos mais difíceis de conseguir são os que você mais gosta. Você espera ansiosamente pela reedição de um disco esgotado. O dinheiro que consegue guardar está destinado a algum LP underground dos anos 1970 com tiragem super pequena, mas que você botou na cabeça que vai estar na sua coleção.

CONTEMPORÂNEO 

Sua coleção é feita de LPs prensados recentemente, e você é apaixonado pela música que é feita hoje em dia. Você faz questão de ter o registro físico da atualidade. Você acompanha de perto a carreira dos seus artistas preferidos e fica sempre ligado nos lançamentos que estão saindo em vinil. 

FÃ DOS CLÁSSICOS

Você coleciona LPs que marcaram a história da música e, em sua maioria, já têm algumas décadas de idade. Gosta de discos usados, em bom estado, mas é louco por uma reedição de álbuns lendários. Na sua opinião, a música é como o vinho – o tempo a torna cada vez melhor. 

DJ

Sua prateleira é cheia de LPs com muito groove, selecionados cuidadosamente pra montar os seus sets. É preciso ter variedade e quantidade, ao mesmo tempo que uma curadoria atenciosa se faz necessária. Sua tarefa é difícil, mas compensa quando você vê a galera  curtindo na pista quando você solta alguma pedrada pra rodar.

Gostou do texto? Compartilhe com seus amigos:

Compartilhar no Facebook Tweetar Pin no Pinterest

LEIA MAIS

  • Qual tipo de colecionador de LPs é você?

    Curador, acumulador, audiófilo, ocasional, caçador de raridades, contemporâneo, fã dos clássicos e DJ. Com qual tipo de colecionador de LPs você se identifica?

  • Vinil hoje: retrato de um mercado em ascensão

    Quando surgiram, em 1948, os discos de vinil foram um grande avanço para a indústria fonográfica. Em relação aos seus antecessores, discos de goma-laca, os discos feitos de vinil eram mais resistentes, permitiam maior tempo de gravação e também mais...

  • 5 coisas que você nunca deve fazer com os seus discos de vinil

    Pense em um vinil como em uma joia: valioso e frágil, requer cuidados e conhecimentos específicos para sua conservação. Existem técnicas e ferramentas que podem auxiliar você a fazer essa manutenção, mas existem também algumas noções básicas indispensáveis para que...

FAÇA PARTE DO NOIZE RECORD CLUB